Dúvidas sobre Apneia do Sono

Apneia é palavra grega para "sem respiração”, logo Apneia do Sono é estar “sem respiração” durante o sono. O padrão científico determina um evento de apneia como uma parada respiratória com duração de pelo menos 10 segundos. Se uma pessoa tem cinco ou mais paradas respiratórias (apneias) por hora de sono, então ela pode ser clinicamente diagnosticada com apneia do sono.

As apneias durante o sono podem ocorrer por dois motivos: por obstrução das vias respiratórias ou por uma disfunção neurológica em que não há tentativa de respirar, não há esforço respiratório. A partir destas duas origens, a apneia do sono é classificada em três formas distintas: (1) apneia obstrutiva, (2) apneia central e (3) apneia mista do sono.

A apneia obstrutiva do sono (AOS ou SAOS – Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono) se caracteriza pela obstrução das vias respiratória. A obstrução das vias respiratórias podem ocorrer por motivos diferentes ou a soma deles. Os mais comuns estão listados abaixo:

-Obesidade e sobrepeso

-Os músculos das vias respiratórias relaxam demais.

-As vias aéreas são mais estreitas.

-A base da língua é mais grossa e ao adormecer ela obstrui a passagem de ar

-O osso hióide posiciona a língua de maneira que estreita a via respiratória

-Queixo retraído (para trás) estreita a passagem de ar

Os dispositivos CPAP são os mais indicados para o tratamento da apneia do sono

Veja na foto abaixo como ocorre o relaxamento e a obstrução das vias respiratórias.

 

Na apneia central do sono (ACS) uma pessoa para de respirar durante a noite não devida a uma passagem de ar bloqueada, mas porque o cérebro temporariamente para de enviar sinais para os músculos que controlam a respiração. Não há explicações claras sobre a origem deste tipo de apneia. Alguns equipamentos biníveis (BiPAP Auto SV Philips Respironics e VPAP Adapt ResMed) são projetados especificamente para o tratamento da ACS.

Na apneia mista do sono (AMS), o paciente tem uma combinação da apneia central do sono e apneia obstrutiva do sono. O tratamento é através de um dispositivo bi-nível (BiPAP Auto SV Philips Respironics e VPAP Adapt ResMed).

A SAOS é uma síndrome potencialmente fatal e que trás prejuízos para a saúde e qualidade de vida no curto e longo prazo. As consequências são:

A curto prazo A médio e longo prazo
• Sonolência diurna excessiva;
• Redução do raciocínio;
• Variação de humor;
• Indisposição e baixo libido;
• Redução da qualidade de vida;
• Dificuldade de perder peso e aumento do apetite;

• Pressão alta;
• Ataque cardíaco;
• Acidente vascular cerebral (AVC);
• Arritmia cardíaca;
• Depressão;
• Obesidade;
• Diabetes;
• Fadiga crônica;

Um estudo do sono é sempre indicado para diagnosticar se um paciente está sofrendo de apneia do sono. O estudo geralmente é conduzido em um laboratório do sono especializado, é chamado polissonografia, poligrafia do sono ou exame poligráfico do sono. Alguns polissonígrafos permitem o diagnóstico na residência do paciente.

A polissonografia monitora a sua respiração, atividade cerebral, batimentos cardíacos e níveis de oxigênio no sangue enquanto você dorme. Essas métricas são usadas para determinar se você tem apneia obstrutiva do sono ou outros distúrbios relacionados, tais como apneia central, bruxismo, síndrome das pernas inquietas, sonambulismo, terror noturno, fibromialgia, entre outros.

A resposta a esta pergunta é pessoal, depende da pessoa. Algumas pessoas relatam ter uma redução da apneia do sono ou até mesmo cura depois de emagrecer. Mas há pessoas que relataram nenhuma alteração. Mas todos tem benefícios ao perder peso saudavelmente. Quando feito por meio de dietas, exercícios e orientação médica, perder peso é bom para a saúde geral.

Você irá precisar de uma máquina de CPAP, uma tubulação*, cabo de alimentação, filtros e uma máscara de CPAP. Todos nossos CPAPs vem com um cabo de alimentação, bolsa de transporte, pelo menos um filtro e uma tubulação. Máscaras de CPAP são vendidas separadamente.

Adquirindo um CPAP e máscara, você já estará pronto para iniciar sua jornada em busca de um sono saudável.

Outro acessório que pode ser fundamental para seu conforto é o umidificador, que não está incluso nas compras (exceto em kits promocionais). Para ler sobre o umidificador clique aqui.

Lembre-se que existe uma diferença significativa entre o equipamento básico e equipamento de ponta. Equipamentos de ponta são geralmente menores, mais leves, mais silenciosos, menos propensos a vazamentos, mais fácil de respirar contra a pressão positiva, melhor umidificação e mais fácil de viajar ou transportar. A chave para o tratamento com CPAP é o conforto, analise o fabricante e os produtos, escolha sabiamente.

*A tubulação é também chamada de tubo, mangueira, traqueia ou circuito.

CPAP é a abreviação de Continuous Positive Airway Pressure. Traduzindo teremos Pressão Positiva Contínua nas Vias Aéreas. O CPAP é uma máquina que gera o fluxo de ar para evitar ronco e apneia obstrutiva do sono. O tipo de CPAP é determinado pelo nível de complexidade ao entregar o fluxo de ar para o usuário.

CPAP básico: Os dispositivos básicos possuem a função mais simples que é gerar o fluxo de ar a uma pressão estabelecida, mantendo sua programação por toda a noite. São indicados para pressões mais baixas (até 12cmH2O) e seu cartão de dados apenas registra as horas e dias de uso.

CPAP com alívio expiratório: Também geram o fluxo de ar a uma pressão programada e mantém esta programação por toda noite, contudo estes modelos são equipados com tecnologia que identificam o momento da expiração do paciente e reduz o fluxo de ar, para que a respiração seja mais confortável e natural,  estes dispositivos também podem ser equipados com cartão de dados para monitorar os resultados do paciente e até compensar possíveis vazamentos de ar decorrentes de um mau ajuste da máscara de CPAP sobre o rosto.

CPAP Automático: As máquinas automáticas, também chamadas de APAP, ajustam o fluxo de ar respiração por respiração de acordo com as necessidades momentâneas do paciente. Estes são dispositivos de tratamento inteligente que reduzem a pressão quando as vias respiratórias estão estáveis e aumentam a pressão frente a episódios respiratórios tais como apneias, hipopnéias, limitações de fluxo e ronco. O CPAP Automático sempre trabalhará na pressão mínima o suficiente para evitar estes eventos respiratórios. A maioria destes modelos é equipada com o cartão de dados completo, registrando índices importantes sobre o tratamento e gozam da toda tecnologia dos modelos inferiores.

Binível (BiPAP e VPAP): O dispositivo binível permite a configuração de dois níveis de pressão, uma pressão sobre inspiração (IPAP) e uma pressão sobre a expiração (EPAP). Atualmente, o tratamento binível tem sido muito indicado pelos médicos para tratar uma ampla gama de doenças, inclusive as que requerem apoio respiratório 24 horas*. O dispositivo binível também é utilizado em pacientes diagnosticados com apneia obstrutiva do sono e que necessitam de um fluxo de ar muito elevado, normalmente acima de 16cmH2O.

A sigla BiPAP é comumente utilizada para expressar os dispositivos biníveis, embora a sigla BiPAP é propriedade da Philips Respironics, é registrada. A sigla BiPAP indica os dispositivos biníveis da Philips Respironics. A sigla VPAP indica os dispositivos biníveis da ResMed.

Alívio de pressão expiratória é uma tecnologia oferecida pelos fabricantes que permite ao CPAP identificar o momento da exalação do paciente e reduzir a pressão de ar do CPAP, tornando o ciclo respiratório natural e confortável. 

A Philips Respironics oferece o conforto do C-Flex, C-Flex+, A-Flex e Bi-Flex. 

A ResMed usa a tecnologia do APE (Alívio de Pressão Expiratória) com Easy-Breathe.

Os estudos independentes realizados por universidades indicam que a adaptação do paciente é mais elevada quando o paciente utiliza uma máquina com essa tecnologia.

Segue o  esclarecimento sobre cada tecnologia:

  • C-Flex: O CPAP equipado com C-Flex é capaz de identificar quando o paciente irá expirar e então a máquina de CPAP reduz o fluxo de ar para o paciente exalar contra um fluxo de ar menor, tornando a expiração mais fácil de se fazer e a terapia mais agradável.
  • APE (Alívio de Pressão Expiratória) com Easy-Breathe:  A tecnologia APE com Easy-Breathe fornece a redução de fluxo de ar durante expiração do paciente. A forma de onda (variação entre inspiração e expiração) foi projetada para oferecer uma experiência de respiração mais natural ao acompanhar de perto os ciclos de inspiração e expiração.
  • A-Flex: A tecnologia A-flex permite ao dispositivo reduzir o fluxo de ar na expiração e na inspiração do paciente, tornando a terapia mais confortável e natural.
  • Bi-Flex: A tecnologia Bi-Flex proporciona alívio da pressão em três pontos críticos no ciclo respiratório: 1- A transição da exalação para inalação. 2- A transição de inalação a exalação e 3- Durante a exalação.

O modo de funcionamento do tempo de rampa é diferente para CPAP de pressão fixa e CPAP automático. Abaixo um exemplo de como o tempo de rampa funcionaria com a máquina de pressão fixa configurada desta maneira:

  • Pressão inicial: 4cm H2O.
  • Tempo de rampa: 20 minutos.
  • Pressão prescrita: 10cm H2O

Isto significa que a máquina de CPAP iria começar em 4cm H2O nos próximos 20 minutos aumentará gradualmente a pressão até atingir 10cm H2O.

Abaixo um exemplo de como o tempo de rampa funcionaria com a máquina automática:

  • Pressão mínima: 8cm H2O.
  • Pressão máxima: 15cm H2O
  • Pressão inicial: 4cmH2O
  • Tempo de rampa: 20 minutos

Isto significa que o CPAP automático iria começar em 4cm H2O nos próximos 20 minutos aumentará gradualmente a pressão até atingir a pressão mínima (8cm H2O) e em sequência o dispositivo CPAP entrará no modo automático, variando pressões entre 8cmH2O e 15cmH2O de acordo com a necessidade do paciente.

Usuários com sucesso na terapia com CPAP registram melhorias nos seguintes aspectos:

  • Qualidade do sono
  • Qualidade de vida
  • Energia e motivação
  • Humor
  • Desempenho no trabalho
  • Poder de concentração
  • Maior estimulo sexual
  • Prontidão ao dirigir
  • Estabilização da pressão sanguínea

A incapacidade de usar o CPAP pode aumentar os sintomas relacionados com a Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS) não tratada:

  • Pressão alta
  • Acidente vascular cerebral (AVC)
  • Enfarto
  • Ataque cardíaco
  • A insuficiência cardíaca congestiva
  • Arritmia cardíaca
  • Depressão
  • Glaucoma
  • Obesidade
  • Diabetes
  • Fadiga crônica

 

A única manutenção necessária nas máquinas é a limpeza e  substituição dos filtros na entrada de ar para conservar as partes internas. Cada fabricante exige uma manutenção distinta para troca ou lavagem dos filtros, verifique no manual do usuário ou peça suporte a nossa equipe.

Temos outras dicas para cuidar de sua máquina e evitar problemas:

  • Mantenha limpa a área em torno de sua máquina. Remova toda poeira ao redor para melhorar a qualidade do ar recebido pela máquina e entregue a você.
  • Mantenha a entrada de ar desbloqueada. Cortinas, roupas de cama e outros artigos podem facilmente bloquear a entrada de ar da sua máquina, reduzindo o fluxo de ar que deve ser entregue a você para evitar ronco e apneia.
  • Se você tiver o umidificador de CPAP recomendamos que você esvazie o reservatório de água todas as manhã. Se um animal de estimação, ou membro da família desloca a máquina com umidificador quando há água na câmara é possível que a água escorra para a parte interna do CPAP danificando seu aparelho. Todos os fabricantes não cobrem danos causados pela água, mesmo dentro do período de garantia, isto é interpretado como mau uso.

 

Se você foi negligente na manutenção do seu equipamento indicamos que faça uma manutenção preventiva. Sintomas que indicam uma necessidade de manutenção preventiva estão listados abaixo:

  • Nível sonoro acima do normal
  • Odores incômodos ao ligar o dispositivo
  • Congestão nasal constante (este sintoma também pode estar ligado a falta de umidade, leia mais sobre umidificadores aqui)

A manutenção preventiva irá abrir seu equipamento, limpar, desodorizar, lubrificar e realizar a troca dos filtros. Se quiser indicação de algum local, consulte nosso atendimento.

 

Para se acostumar ao CPAP use todas as noites, sem exceção, mesmo se você acabar tirando após algumas horas. Adquira o hábito de usar. O CPAP é necessário para a sua vida. Você precisa fazer um compromisso para uma vida mais longa, melhor e saudável.

Usar a máscara em casa quando você estiver desocupado é uma excelente dica. Habituar a sensação da máscara quando você está acordado irá ajudar a se sentir familiarizado na hora de dormir. Procure deitar e ler ou assistir televisão com a máscara vestida.

Cuide bem da sua máscara. Lave-a sempre que terminar de utilizar. A manutenção correta da sua máscara facilitará o ajuste e vedação que são fundamentais para sua adesão e para a eficiência do tratamento. Para conseguir um bom ajuste da sua máscara, siga o manual de instruções.

 

Todos os nossos dispositivos: CPAP, CPAP Automático, BiPAP, VPAP e seus respectivos umidificadores estão prontos para funcionar entre 110 a 240V.

Você não precisará se preocupar em apertar qualquer botão ou trocar algum fusível. Eles são bi volts e se ajustam automaticamente a voltagem local.

 

Não. As máscaras possuem válvulas anti-asfixia e não há risco de sufocamento, mesmo com máscaras oronasais e faciais totais.

A maioria das máquinas é projetada para operar em ambas correntes AC (correntes alternadas) e DC (correntes contínuas).

Para ligar um equipamento na bateria você precisará do conversor DC. Não utilize conversores que não sejam os originais, você poderá danificar o equipamento e perder a garantia. Para consultar a disponibilidade de produtos para seu equipamento use nossos canais de atendimento.

 

As máquinas incluem uma tubulação de dois metros, cabo de energia, pelo menos um filtro, manual e uma bolsa para transporte que é projetada especificamente para o seu equipamento.

As máquinas não incluem máscaras e umidificadores, exceto em promoções que são vendidos em conjunto. Mas em geral, máscaras de CPAP devem ser adquiridas separadamente.

Para iniciar o tratamento com o CPAP é necessário comprar a máquina de CPAP e uma máscara. O umidificador pode ser adquirido posteriormente.

 

É muito importante entender que o CPAP é uma terapia. A terapia é contínua e o CPAP é o mais recomendado e eficaz tratamento para a apneia do sono.

Você deverá usar o CPAP toda vez que for dormir. Usando o CPAP todas as noites e durante os cochilos sua terapia será mais eficiente, o que levará a uma melhora no seu humor e níveis de energia. Lembre-se que mesmo durante um curto cochilo a sua passagem de ar é obstruída e estar sem oxigênio é prejudicial a sua saúde no curto e longo prazo. Para evitar os efeitos colaterais da apneia do sono não tratada use o CPAP toda vez que dormir ou cochilar.

 

Não. A lei federal não exige uma prescrição válida antes da compra de sua máquina, máscara ou umidificador. Contudo, recomendamos fortemente que você não compre equipamentos antes de passar por uma avaliação médica. Um estudo do sono deve ser realizado para o médico lhe indicar o melhor tratamento.

Para entender como é realizado o diagnóstico do sono, veja em Dúvidas sobre Apneia do Sono.

Dúvidas sobre Apneia do Sono

Dúvida sobre Umidificação

Dúvidas sobre Máscaras

Dúvida sobre Umidificação